Comportamento infantil das crianças de 6 a 8 anos

Share Button

Para preparar uma boa aula e extrair o melhor de seus alunos, o professor da igreja infantil precisa de preparar adequadamente, com cursos, informações e treinamento. Por isso, estamos estudando um pouco sobre o comportamento infantil. Sem o devido preparo, a igreja pode estar desperdiçando uma grande oportunidade de ganhar almas e formar cristãos preparados para viver uma vida cristã plena. Infelizmente, muitas igrejas não preparam seus professores e acabam criando “classinhas” sem estímulos para as crianças, o que tornam o tempo na igreja desagradável para os pequeninos. As crianças vão crescendo com uma visão de que a igreja é chata e desestimulante. Tudo isso porque a igreja preferiu não investir em professores, não adequando seu espaço para atender o comportamento infantil em cada faixa etária.

A preparação de professores deve ser levada a séria como é feita a formação de evangelizadores, missionários ou pregadores, mas muitas vezes é considerada um apêndice da igreja, no sentido literal, o apêndice no corpo humano não serve para nada a não ser causar problemas. Infelizmente, alguns líderes de igrejas acham que o departamento infantil não serve para nada e ainda causa problemas.

Leia também:

Conhecer o comportamento infantil é fundamental para que o professor possa criar uma aula estimulante e proveitosa. As crianças de seis a oito anos de idade são mais perceptivas e observadoras que as mais novas, no entanto continuam ativos, o que nos leva a crer que prepara atividades de movimento pode ser melhor para aproveitarem melhor a aula. A maioria das igrejas classifica esta faixa etária como primários.

Características físicas

Assim como as crianças de quatro ou cinco anos, esta faixa etária ainda abrange crianças ativas, que gostam de atividades como correr, pular ou andar por algum tempo. No entanto, elas logo se cansam, portanto, uma dica é o professor realizar estes tipos de atividades antes de um momento que precise de silêncio ou concentração.

Como elas se cansam fisicamente, também, da mesma forma, ficam entediados com certa rapidez. Realizar atividades longas ou preparar sempre as mesmas coisas não é uma boa ideia. A ordem é não ter rotina para atividades para crianças de seis a oito anos.

Um ponto importante é que muitas deles ficam constantemente doentes. É importante o professor saber lidar com crianças gripadas, com tosse, ou alergia. A igreja precisa estar preparada para atender às necessidades médicas de uma ou outra criança nesta situação, evitando classes sem acabamento, piso de cimento ou locais sem ventilação, por exemplo.

O comportamento infantil nesta faixa etária exige professores animados e dispostos, pois lidar com crianças de seis a oito anos pode ser cansativo para algumas pessoas.

Gestão Escolar

Características mentais

Como a maioria nesta idade está aprendendo a ler, a leitura oferece um mundo novo para crianças de seis a oito anos de idade.  O professor do primário deve demonstrar gosto pela leitura e estimular seus alunos a lerem. Eles vão adorar.

A mente ainda é bem literal e precisam de exemplos concretos para entenderem alguma coisa. Ao dar aulas de assuntos antigos, o professor deve se preparar para perguntas. É indispensável o uso de material gráfico no primário. Mapas, cartazes, slides…

Uma oportunidade a ser explorada é que eles já aprendem novas palavras com facilidade. Diferente do pré-primário, nesta faixa etária não há tanta necessidade de repetição.

Características sociais

Talvez a classe dos primários da igreja infantil seja onde o professor possa explorar melhor a imaginação das crianças. Além disso, o conceito de turma, amigos e equipes já é compreendido por elas, o que permite atividades em grupos com resultados melhores do que na classe dos pré-primários. O comportamento infantil desta faixa etária é ideal para a formação de vínculos de amizade.

As crianças de seis a oito anos de idade gostam de crianças da mesma idade e têm facilidade em criar amizades com um amigo especial. Costuma ser nesta faixa etária que aparecem pela primeira vez o “melhor amigo”.

Nesta idade, elas já não têm medo de bichos de estimação. Um cachorro, um gato ou passarinho prendem a atenção das crianças de seis a oito anos por muito tempo e desperta muita curiosidade.

Uma boa notícia para o professor da igreja infantil que vá dar aulas no primário, é que as crianças do primário buscam aprovação do professor. Elogios e incentivos funcionam bem nesta classe.

Uma dica para o professor é realizar tarefas não competitivas. As crianças de seis a oito anos preferem se ajudar do que competir entre si, é uma característica forte de seu comportamento infantil.

Características espirituais

O conceito de certo e errado já está melhor trabalhado e o professor pode, facilmente, explicar o que é certo e o que é errado. As crianças de seis a oito anos confiam nos adultos.

Como elas gostam de atividades físicas, elas começam a demonstrar mais gosto por histórias de ação e aventura. Este estímulo condiz com o comportamento infantil delas.

Entre seis e oito anos, as crianças já entendem bem o que significa que Jesus é o salvador, filho de Deus. Alguns conceitos espirituais básicos já podem ser apresentados. Uma ótima ideia é deixa-las orar. Elas já podem muito bem orar sozinhas.

As lições podem apresentar exemplos espirituais mais sérios, mais maduros. O conceito de viver para Deus já pode ser desenvolvido nesta idade.



Dicas para o professor

O comportamento infantil das crianças de seis a oito anos de idade é bem ativo, o professor pode desenvolver atividades de movimento. Mesmo que o professor não queira que as crianças corram ou pulem, somente o fato de andarem, sair do lugar, já é proveitoso e traz uma dinâmica para a classe.

A programação deve conter atividades variadas a cada 10 ou 15 minutos. Uma história que dure mais que este tempo já vai parecer chata e as crianças vão ficar entediadas. Exemplos de outras crianças é um estímulo para que copiem. Outro exemplo que compreendem fácil é a família. Falar de pai, irmãos e mãe é uma forma de fazer com que compreendam melhor a lição.

Nesta faixa etária elas já podem começar a procurar na bíblia por versículos e livros específicos.

animação e recreação quadrado cópia

2 comments

  • Claudia Romero

    Amei as informações e dicas , aqui muito bem colocadas de forma simples e objetiva. É realmente importante que as igrejas se conscientizem desda necessidade da boa formação e preparo , tanto de professores de classinhas infantis nas igrejas, como das aulas e materiais , para otimizar os resultados pretendidos. O mundo e o inimigo investem pesado nas crianças….é hora da igreja despertar e superar as ofertas tentadoras seculares , para investir e salvar nossos pequeninos tão preciosos, das garras do inimigo!!!

  • Paloma Ribeiro

    Realmente e necessário e essencial que as professores sejam capacitadas para estar atuando com este tipo de publico, e também que a igreja forneça recursos.
    Assim iremos preparam crianças fortalecidas no Senhor, e se investirmos nelas dificilmente satanás conseguira desviar esta criança seja na adolescência ou depois de adulto.
    “Ensina teu filho o caminho que deve andar, e ele JAMAIS de desvia rá dele!” Pv 22;6

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *