Pregação sobre mãe – Servindo o melhor 

Share Button

O valor da mãe no lar não pode ser subestimado. Sua influência sobre o marido e seus filhos são fundamentais no andamento da rotina familiar. Neste esboço de pregação sobre mãe vamos ver com as atitudes de uma mãe influenciam claramente aqueles que estão ao seu redor. Seu amor, dedicação e vida de consagração são a principal fonte de inspiração cristã que um filho pode ter. Não são líderes, irmãos, artistas gospel ou grandes pregadores que são os maiores influenciadores na vida das crianças e adolescentes, mas sim a mãe. Por isso, erramos ao preencher a agenda de nossos filhos com atividades, pois o que eles mais precisam é de nós, pai e mãe, e não de atividades diversas. 

Você pode iniciar sua pregação sobre mãe falando sobre uma frase muito popular nos Estados Unidos – If mama is happy everybody is happy -, tradução livre – Se a mamãe está feliz, todos estão felizes. Esta frase revela bem a rotina de uma família. A mãe tem grande influência no humor de toda a casa. Isso também está relatado no livro “A fé começa em casa”, Mark Holmen; onde o autor revela uma pesquisa nos Estados Unidos que aponta que a maior influência cristã que um jovem tem é o da própria mãe, por isso, muitos jovens se desviam do caminho mesmo participando de eventos na igreja várias vezes por semana. São jovens que frequentam a igreja, mas não veem no lar uma rotina de vida cristã. 



A mãe é um espelho para o desenvolvimento do caráter de seu filho. Nesta pregação sobre mãe vamos ver como uma mãe pode influenciar a formação de caráter e fé de seu filho. O amor de uma mãe é o mais próximo que podemos conhecer do que é o amor de Deus por todos nós. Ela nos ama mesmo antes de nascer e continua nos amando apesar de nossas falhas e desobediências. Assim também, o amor de Deus por nós é incondicional, ou seja, não depende de condições, por isso, em Mateus 18:14 lemos que não é da vontade do Pai que nenhum pequenino se perca. A vontade da mãe também é que seus filhos não se percam, cresçam bem e se desenvolvam grandes pessoas para a sociedade. 

O amor da mãe 

Todos os dias a mãe demonstra seu amor de várias formas. Em 1 Reis podemos ler um pouco sobre este amor. Se você deseja desenvolver uma pregação sobre mãe para apresentar na igreja, separe o trecho de 1 Reis 3:16 a 28 para ler, trata-se da conhecida história de Salomão e as duas prostitutas que disputavam um filho. Neste trecho, lemos que o amor da verdadeira mãe era tão grande que ela não queria ver seu filho cortado ao meio. Este é o amor protetor que toda verdadeira mãe tem. O amor de Deus também é assim, protetor. Muitas vezes não sabemos porque passamos por alguma situação mais difícil, ou não conseguimos o que queremos, mas mesmo sem entender, devemos compreender que Deus está nos protegendo. 

Se você é mãe, seu amor é demonstrado através da proteção que você dá aos seus filhos, à sua família. Proteja sua família dos ataques diários. O amor da mãe é demonstrado com esta vontade de proteger seu filho, mesmo que para isso, tenha que sacrificar sua vontade. Como podemos praticar isso? Protegemos nossos filhos planejando uma boa alimentação, selecionando tempo na internet, não deixando-o largado na televisão, preocupando-nos com o que ele vê, ouve e lê. Com uma rotina corrida, muitas mães ficam cansadas de disciplinar seu filho, e muitas vezes até com pena, mas precisamos pensar no melhor para ele, em sua proteção. Em Efésios lemos que é dever dos pais criar os filhos na disciplina do Senhor, isso é uma forma de demonstrar nosso amor. Mesmo com sono e cansados a mãe não pode abrir mão da disciplina. 

E vós, pais, não provoqueis à ira a vossos filhos, mas criai-os na doutrina e admoestação do Senhor. Efésios 6:4. 

Amar é servir 

Um princípio básico do cristianismo é que Jesus não veio para ser servido, mas para servir; assim, da mesma forma seus seguidores não devem esperar ser servidos, mas devem se esforçar para servirem uns aos outros. Isso inclui a família e, claro, a mãe. Quando lemos sobre a mulher virtuosa em Provérbios 31, podemos listar uma série de qualidades que estão relacionados à forma que ela serve sua casa. Vamos ler o trecho a seguir. 

Não receia a neve por seus familiares, pois todos eles vestem agasalhos. Provérbios 31:21 

Lembrando que a mãe é o maior exemplo de amor que temos, o ato de servir deve ser constante, pois é dessa forma que seus filhos vão aprender que somos realmente chamados para servir. O exemplo de uma mãe que acolhe seu marido, é obediente, administra bem seu lar, se desdobra para manter a paz em casa e serve a todos oferecendo uma alimentação de qualidade é mais que o suficiente para que os filhos crescem vendo que servir é o nosso chamado. No mundo atual, dizer que a mãe tem que servir é considerado um insulto, mas todos nós somos chamados a servir (pai, mãe e filhos). Para ter um filho submisso e obediente a mãe deve ser submissa e obediente.  

Oferecendo o melhor 

Quando falamos em servir, falamos em oferecer o melhor. Por isso, desde o início dos rituais religiosos judaicos, o povo de Israel sempre foi orientado a oferecer sacrifício sem defeitos. Mais tarde aprendemos que este sacrifício sem defeitos já era um anúncio para o sacrifício perfeito de Jesus na cruz. Nesta pregação sobre mãe vamos lembrar que quando decidimos servir, temos que oferecer o melhor. Como aplicar isso nesta palavra? Quando vamos servir nossos filhos, temos que nos dispor a fazer o melhor. Se temos que preparar a comida da semana, temos que oferecer o melhor, uma refeição de qualidade, saudável e não fast food e alimentos ultraprocessados “porque é mais rápido e fácil”. Ofereça o melhor aos seus filhos. 

Em Mateus 20:20 e 21 lemos uma passagem inusitada, quando uma mãe pede a Jesus que seus filhos sentem ao lado dele quando estiverem na vida eterna. Nesta passagem, ela não pediu um lugar para ela, mas sim para seus filhos. Um versículo curto, mas curioso que vale a pena ser lembrado neste esboço de pregação sobre mãe. Afinal, quando falamos em oferecer o melhor, este trecho é bem objetivo. Esta mãe pensou em algo que seria maravilhoso, mas não pensou em si, pensou em seus filhos. Ela queria oferecer o melhor. O Criador nos ofereceu o seu melhor, seu único filho por nós, que morreu sem defeitos para que pudéssemos todos nós receber o melhor. 

Seja o exemplo 

Servir, oferecendo o melhor. Este deve ser o compromisso de cada mãe com seu filho, lembrando que nosso Senhor também nos serviu com o melhor que tinha. Fazer isso não é apenas uma forma de demonstrar amor aos filhos, mas é também a melhor maneira de servirmos de exemplo a eles. Se queremos que se tornem cristãos de verdade, precisamos servir de exemplo para que tenham a iniciativa de servir o melhor aos outros também. 

Você pode terminar sua pregação sobre mãe, falando um pouco mais sobre servir o melhor, tendo como referências Isaías 49:15 e Êxodo 20:12. A melhor forma de uma mãe desenvolver um caráter cristão em seus filhos é refletir isso com suas atitudes. Falar em servir não sempre o que queremos ouvir, mas esta é a realidade do cristianismo. Gostaríamos de ouvir Jesus falando que nunca mais teríamos problemas, mas ele disse “no mundo tereis aflições”. Em Atos 20:35 aprendemos que é melhor dar do que receber. Pratique isso com seus filhos e certamente, tudo o que plantares, colherás. 

 Leia também em nosso site:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *