Conceitos básicos de louvor e adoração a Deus

Share Button

Neste texto sobre adoração vamos explorar alguns conceitos simples sobre o assunto, como os motivos e formas de render louvor e adoração a Deus, assim como algumas de suas características. Este material é indicado para os estudos da equipe de louvor da igreja evangélica e membros que desejam aprofundar seus conhecimentos sobre louvor e adoração. Conhecendo alguns conceitos simples podemos esquivar de armadilhas que nos afastam do Senhor, sem percebermos. Sem  o conhecimento dos reais motivos que nos levam a adorar a Deus, podemos cair no erro de participar de meros atos religiosos e cerimônias que não alcançam o coração de Deus.

Veremos neste texto algumas passagens bíblicas que nos levam a refletir sobre o ato de adorar. Veremos que não existe uma definição específica sobre como adorar, mas que devemos buscar em nós, a verdadeira motivação que nos leva a adorar a Deus.

Em diversas passagens bíblicas podemos ver que toda criação deve render louvor e adoração a Deus. A adoração deveria fazer parte inerente da vida do ser humano; e tem tanta importância na vida cristã que uma das tentações sofridas por Jesus foi a de adorar a Satanás (Mateus 4:10).



Vamos iniciar este estudo com a história de Gênesis. Enquanto Adão estava no Édem, ele desfrutava de uma comunhão direta com Deus. Enquanto desfrutava desta atmosfera de comunhão com Deus, o homem tinha acesso direto ao Pai, mas com a queda do homem, este relacionamento foi quebrado.

Quando lemos o livro de Gênesis 3:6 a 10, e o capítulo inteiro de Gênesis 4, podemos perceber que o ser humano teve sua comunhão com Deus comprometida. Isso é confirmado ao lermos Romanos 3:10 a 12.

No entanto, ao lermos Apocalipse, a partir do capítulo 19, lemos o papel fundamental de adoração na eternidade.

Temos a necessidade de voltar a ter a comunhão com Deus, viver em uma atmosfera de proximidade de Deus como era no princípio. Nossa alma anseia em oferecer louvor e adoração a Deus.

Todos devem adorar

Um importante texto bíblico sobre adoração é Efésios 5:18 a 20, que nos recomenda a encher-nos do Espírito de Deus para cantar e louvar a Deus.

Não se embriaguem com vinho, que leva à libertinagem, mas deixem-se encher pelo Espírito, falando entre si com salmos, hinos e cânticos espirituais, cantando e louvando de coração ao Senhor, dando graças constantemente a Deus Pai por todas as coisas, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo.

A adoração faz parte do cotidiano da vida cristã, como orar e estudar a Bíblia, como está em Colossenses 3:16 – “Habite ricamente em vocês a palavra de Cristo; ensinem e aconselhem-se uns aos outros com toda a sabedoria, e cantem salmos, hinos e cânticos espirituais com gratidão a Deus em seus corações”.

Quando decidimos dar louvor e adoração a Deus estamos fazendo o que desejamos fazer ardentemente, mas nem sempre temos a disposição, ou possibilidade.

Por que adorar

A adoração é uma atitude na qual reconhecemos a grandeza de Deus em nossas vidas. Tanto que o primeiro mandamento descrito em Êxodo 20 é o de adorar unicamente a Deus, versículo 3. Jesus repete este mandamento como principal mandamento da Nova Aliança (Mateus 22:36 a 38).

Colocar pessoas, coisas ou rituais acima de Deus é idolatria, por isso, diversas passagens bíblicas nos ensinam a dar louvor e adoração a Deus apenas.

Ao lermos Lucas 11, podemos ver que Jesus nos ensina sobre a prioridade da adoração. Devemos sempre louvar e agradecer a Deus antes de apresentar nossos pedidos, isso nos faz lembrar que estamos sujeitos ao seu poder e grandiosidade.

Basicamente, devemos oferecer louvor e adoração a Deus porque Ele é o criador de todas as coisas, faz grandes coisas por nós, só Ele é digno de receber esta adoração e precisamos nos aproxima do Altíssimo.

Quando louvamos a Deus estamos reconhecendo sua grandeza e como Ele é bondoso conosco, por isso, adorar pessoas, coisas, ou qualquer outra coisa é idolatria, pois nada pode ser mais importante que o próprio Criador.

O que é adoração

O louvor e adoração a Deus podem ser realizados de diferentes maneiras. Basicamente, podemos definir que tudo o que fazemos para agradar a Deus é uma forma de adorar ao Senhor, como define 1 Coríntios 10:31- “assim, quer vocês comam, bebam ou façam qualquer outra coisa, façam tudo para a glória de Deus”.

O alvo de nossa adoração é sempre Deus. Em Atos 10:25 e 26 lemos que Cornélio prostrou-se para adorar Pedro, mas logo foi repreendido, pois nenhuma pessoa, por melhor que seja, deve ser adorada como um deus.

A grande motivação da adoração deve vir do coração. O profeta Isaías nos traz uma importante lição sobre adoração :

O Senhor diz: “Esse povo se aproxima de mim com a boca e me honra com os lábios, mas o seu coração está longe de mim. A adoração que me prestam só é feita de regras ensinadas por homens”. Isaías 29:13

Podemos ver que a adoração não é representada por uma ação em si, mas sim um ato movido por uma necessidade, por uma vontade interna de agradecer a Deus de alguma forma.

Outro texto que nos faz refletir sobre louvor e adoração a Deus é o de Amós 5:21 a 24.

“Eu odeio e desprezo as suas festas religiosas; não suporto as suas assembleias solenes. Mesmo que vocês me tragam holocaustos e ofertas de cereal, isso não me agradará. Mesmo que me tragam as melhores ofertas de comunhão, não darei a menor atenção a elas. Afastem de mim o som das suas canções e a música das suas liras. Em vez disso, corra a retidão como um rio, a justiça como um ribeiro perene! “.

Mais uma vez vemos que adorar a Deus não significa cantar, não se trata de uma música, de um ato religioso ou cerimônia, é uma ação que nasce de nossa necessidade de nos aproximarmos de Deus.

Se você deseja levar este estudo para a equipe de louvor de sua igreja, destaque bem os versículos e dê exemplos pessoais de momentos que o levaram a dar louvor e adoração a Deus espontaneamente. Lembre-se que é dever da equipe de louvor levar toda a congregação a um ambiente de louvor e adoração a Deus, por isso, a consagração e seriedade é fundamental.

Quando compreendemos a seriedade do momento de adoração ao Criador, podemos entender porque é importante selecionar e preparar bem a equipe de louvor, os levitas. A liderança deve evitar de cair no erro de selecionar membros para a equipe baseado apenas na técnica musical.

Outros textos em nosso site que você pode gostar:

Hotmart-Livro-Aprenda-a-Bíblia

Um comentário

  • Claudia Romero

    Adorar a Deus!!!! Quão maravilhoso e extasiante é esse ato de amor ao nosso criador !!! A adoração nasce no nosso coração e busca desesperadamente o coração do Pai , todo cristão precisa ser um verdadeiro adorador, e a palavra diz que Deus busca quem verdadeiramente O adora em espírito e em verdade…importantíssimo e relevante a abordagem, seriedade e a prática incessante deste tema!!! Muito bom…parabéns!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *